Para resolver problemas ou criar oportunidades, só um diagnóstico da realidade feito por quem entende de soluções

Problemas de saúde, por mais simples que sejam, precisam ser pesquisados para encontrar o modo mais inteligente de resolvê-los. Mas nem sempre é assim, não é mesmo? Médicos e clínicas estão sempre disponíveis, mas muitas pessoas não usam esses serviços, com a justificativa de não terem tempo nem dinheiro para isso. Como consequência, acabam por se automedicar. Sorte que, dependendo do caso, o remédio dá certo ou nem precisa ser usado, em razão de tal enfermidade desaparecer por si mesma. E se esse “pequeno incômodo” voltar daqui a algum tempo e em maior proporção?

Com esse exemplo da saúde, pretendo destacar a importância de se fazer uma investigação sobre qualquer tipo de adversidade, pois só assim saberemos qual é a melhor forma de resolvê-la. No caso das empresas, probleminhas podem se tornar, em curto a longo prazos, complicações bem grandes, impactando de forma bastante negativa no negócio. Além disso, é necessário que o diagnóstico seja certeiro e adequado às necessidades da empresa, porque influencia diretamente nos custos. Voltando ao exemplo da saúde: não se cura uma crise de cálculo renal com um analgésico que custa R$ 3,00 na farmácia. Ou ainda: não se cura um pequeno resfriado com um conjunto de antibióticos caros.

Diagnóstico bem direcionado

Faz um tempinho, um cliente procurou a ITS Group a fim de adquirir um software para ajudá-lo a organizar as atividades diárias dos profissionais de assistência técnica do seu produto. Disse que perdia muito tempo com isso. Ao analisar o caso, constatamos que não adiantaria nada comprar um software específico naquele momento. Existiam outros aspectos que impactavam na rotina operacional e a perda de tempo continuaria. Então, bolamos uma solução para atingir o problema bem no início do processo, gerando visibilidade para os gestores monitorarem os pontos relevantes para a operação, organizando as informações sobre os clientes e começando a assistência desde o primeiro contato via Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC). Esse é um exemplo interessante no qual se confirma a relevância do diagnóstico e de como as empresas precisam de consultoria externa para entender o que está acontecendo. Devido à correria do dia a dia, os gestores não conseguem visualizar os principais desperdícios e as oportunidades de alavancagem de resultados.

Inovação e venda desafiadora

Não basta somente comercializar sistemas de gerenciamento, mas sim saber identificar e implantar as soluções mais convenientes. Isto é: não é vender produto, é resolver o problema.

Na ITS Group, estamos atentos aos nossos clientes e às tendências de mercado para oferecer o que realmente agregará valor às empresas. Não é só uma consultoria, mas uma venda desafiadora, na qual buscamos escutar o cliente e incentivá-lo a fazer uma crítica sobre seus processos e potenciais oportunidades de melhorias. Essa interação permite criar a solução de forma conjunta. Entendemos isso como facilitar a inovação, ou seja, explorar novas ideias para conquistar diferentes resultados. A área de Inovação da ITS, por meio de pilares de negócios da empresa, atinge todas as frentes de negócios do cliente, seja de que segmento ele for.

Pilares de negócios da ITS

1 – Logístico

Identificar desperdícios e oportunidades de melhorias para direcionamento de uma solução que atenda às necessidades de negócios pertinentes à gestão de todos os processos da cadeia de suprimentos.

2 – Cliente

Criar oportunidades de melhorias ao longo do ciclo de vida do relacionamento com o cliente, fortalecendo a oferta de produtos e serviços da empresa: multicanais, customer experience, marketing, análise preditiva, força de vendas.

3 – Pessoas

Identificar oportunidades, estabelecer prioridades, direcionar planos de ação e metas para o alinhamento das práticas de gestão de pessoas com a cultura e a estratégia da empresa: recrutamento e integração, treinamento, metas e desempenho, gestão de numeração, sucessão e desenvolvimento.

4 – Financeiro e Compliance

Melhorar a produtividade do departamento financeiro e tributário. Para um controle eficiente de caixa e otimização do capital de giro da empresa, é necessária visibilidade em tempo real das posições do caixa, bem como realizar projeções de fluxos futuros.

5 – Analytics

É aplicável aos demais pilares, dando ênfase à gestão da informação, unificando todos os dados do negócio, em relação a desempenho, produtividade e cenário de mercado, a fim de dar suporte ao cliente para a tomada de decisões mais rápidas e eficazes.

Domênico Meneguzzi
Sem comentários.
Comente